Thursday, July 02, 2009

8:00



Oito da manhã.
Uma hora como as outras, não fosse eu já estar sentada à secretária no trabalho, a sonhar com o mundo lá fora. A roer as unhas de nervosismo. A esperar ansiosamente que o telefone toque. À espera de receber aquele e-mail.

À beira de (mais um) ataque de nervos.

1 comment:

Vani said...

atão ninaaaaaaaaaaaaaa...